Crítica | O Primeiro Homem

Título: O Primeiro Homem
Direção: Damien Chazelle
Roteiro: Josh Singer
Elenco: Ryan Gosling e Claire Foy
Classificação:


Sinopse: Neil Armstrong (Ryan Gosling) mergulha de cabeça na corrida aeroespacial. Participar desse projeto governamental tão importante e perigoso não será nada fácil. Todas as perdas e sacrifícios em torno de sua vida levarão Neil a uma das jornadas mais complexas de humanidade. Entre deixar a família para embarcar nessa viagem e se tornar o primeiro homem a pisar na lua, o astronauta viverá todos os retrocessos e problemas antes de alcançar o sucesso que foi a missão Apollo 11 de 1969.

Resenha: O chefão | Vi Keeland


Título: O chefão 
Autora:  Vi Keeland
Editora: Essência
Número de páginas: 300
Classificação: Nenhum texto alternativo automático disponível.
Sinopse: Na primeira vez que vi Chase Parker não causei exatamente uma boa impressão. Eu estava escondida no banheiro de um restaurante, mandando mensagem de áudio para minha melhor amiga me salvar de um encontro horrível. Ele ouviu, disse que eu era uma canalha e começou a me oferecer conselhos não solicitados de namoro. Eu disse a ele que cuidasse de sua própria vida e voltei para meu encontro miserável. Ao passar pela minha mesa ele sorriu e eu assisti seu traseiro sexy e arrogante voltar para seu jantar. Não pude evitar trocar olhares com o idiota condescendente do outro lado do restaurante. Quando o deslumbrante desconhecido e sua acompanhante apareceram de repente em nossa mesa, pensei que ele iria me denunciar. Mas, ao invés disso, ele fingiu que nos conhecíamos e se juntou a nós – contando histórias elaboradas e embaraçosas sobre nossa suposta infância. E, sem que eu me desse conta, meu encontro tedioso se tornou extremamente excitante. Depois que nos separamos, não consegui parar de pensar naquele estranho que jamais veria novamente. Afinal, quais eram as chances de encontrá-lo de novo em uma cidade com oito milhões de pessoas?

Resenha: Insígnias | Karol Blatt


Título: Insígnias
Autora: Karol Blatt
Editora: Bezz
Número de páginas: 372
Gênero: romance, drama, guerra, literatura brasileira.
Classificação:


Sinopse: Será que um grande amor é capaz de vencer uma grande guerra?
Para Ahren Müller, um jovem oficial das tropas de elite do führer com uma promissora carreira dentro da Alemanha Nazista de 1942, sua verdadeira guerra foi decretada no momento em que seus olhos cruzaram com os de Hadassa Belshoff, uma jovem judia que é levada como prisioneira para a residência de sua família na Polônia. Vítima de um dos períodos mais cruéis da história da humanidade, Hadassa Belshoff encontra-se num terrível impasse ao se tornar prisioneira na mansão dos Müller. Tendo sido separada da família e com o destino nas mãos de um ditador que causou o genocídio de milhões, ela precisa decidir se deve seguir a razão ou o coração, quando em seu interior começam a brotar sentimentos inesperados e proibidos pelo seu algoz.


Resenha: Nothing Less | Anna Todd

Resultado de imagem para nothing less
Título: Nothing Less
Autor: Anna Todd
Editora: Astral Cultural 
Número de páginas: 316
Classificação: 
Nenhum texto alternativo automático disponível.

Sinopse: Landon Gibson sempre foi o cara bonzinho e capaz de fazer qualquer coisa por todo mundo — altruísta até demais. Apesar de continuar determinado a não perder sua gentileza inata, ele está começando a perceber que precisa pensar mais em si mesmo, principalmente quando lida com uma ex-namorada que ora se aproxima, ora se afasta. E ainda mais quando está diante da misteriosa Nora, uma garota com pelo menos dois nomes e várias facetas diferentes. A verdade é que ele só quer ter alguém ao seu lado, mas precisa torcer para que o campo de batalha que são as relações amorosas em Nova York não seja perigoso demais para ele.

Resenha: Garota Online | Zoe Sugg Ferreira

Título: Garota Online
Autor: Zoe Sugg
Editora: Verus
Número de páginas: 308
Classificação:
Sinopse: Um romance sobre crescer e se apaixonar na era digital como Garota Online, Penny escreve um blog no qual desabafa seus sentimentos mais íntimos sobre amizade, meninos, os dramas do colégio, sua família maluca e os ataques de pânico que começaram a dominar sua vida. Quando as coisas vão de mal a pior, sua família a leva para Nova York, onde ela conhece Noah, um garoto lindo que toca guitarra, e com quem ela parece ter muito em comum. De repente, ela percebe que está se apaixonando — e escreve sobre cada momento dessa história em seu blog, de maneira anônima. Só que Noah também tem um segredo, que ameaça arruinar o disfarce de Penny para sempre.