Resenha: Modern Love | Daniel Jones


MODERN LOVE: Histórias reais de amor, perda e redenção - Livros na ...Título: Modern Love
Autora: Organizado por Daniel Jones
Editora: Rocco
Número de páginas: 304
Classificação: 
Sinopse: Livro que inspirou a série da Amazon Prime. - Uma jovem passa pelos cinco estágios da dor fantasma. - Um homem termina seu quarto encontro promissor numa sala de emergência. - Uma advogada com transtorno bipolar vivencia os altos e baixos do namoro. - Um viúvo hesita em apresentar os filhos à nova namorada. - Um homem divorciado, na casa dos 70, contempla a beleza e os escombros de antigos relacionamentos. Estas são algumas das pessoas que contam suas histórias em Modern Love, uma coletânea de relatos memoráveis publicados na coluna "Modern Love" do The New York Times, incluindo os oito que inspiraram a série, com Tina Fey, Andy Garcia, Anne Hathaway, Dev Patel e outros. Um fascinante mosaico sobre o amor, repleto de diversidade, humor, emoção e, sobretudo, esperança. Essas histórias impressionam e ensinam. Provocam risadas, tristeza e lágrimas. Às vezes (isso é verdade), não são nem muito modernas. Mas sempre forçam a concha da ostra do amor humano a se abrir, para revelar a beleza misteriosa que há lá dentro. — Daniel Jones Algumas das histórias de Modern Love não são nada convencionais, enquanto outras parecem bem familiares. Algumas revelam como a tecnologia mudou para sempre o namoro, outras exploram as lutas atemporais vividas por quem já procurou amor. Acima de tudo, todas constituem relatos honestos que mostram como os relacionamentos começam, como geralmente fracassam e, quando temos sorte, perduram. Organizado pelo editor Daniel Jones, e apresentando uma seleção diversificada de colaboradores incluindo Amy Krouse Rosenthal, Larry Smith, Ayelet Waldman, Andrew Rannells, Veronica Chambers, Dan Savage, entre outros escritores, este é o livro perfeito para quem é amado, está perdido ou sendo perseguido por um ex nas redes sociais, ou para aqueles que sempre desejaram um romance verdadeiro. Em outras palavras, uma leitura para qualquer pessoa interessada no funcionamento infinitamente complicado do coração humano.

Resenha: RHAEL: Anjo ou Demônio? | Evellyn Miller

Título: RHAEL: Anjo ou Demônio? 
Autora: Evellyn Miller
Editora: Independente
Número de páginas: 369
Classificação: 

Sinopse: Rhael Stein é o herdeiro da Magen David, um império no comércio de pedras preciosas, com sede em Belo Horizonte. O homem com nome de anjo abriu mão do cargo de CEO da própria empresa para atuar como professor universitário e seduz mulheres nada inocentes, que o chamam de demônio em alusão à sua performance sexual. O segredo que ele esconde de muitos é um pesadelo que o atormenta há décadas e envolve uma mulher misteriosa. Ele não imagina que essa pessoa existe e vive na enigmática e sombria cidade de Ouro Preto.
Isa é uma atrapalhada professora de trinta e dois anos, cujo único objetivo na atualidade é perder a virgindade, algo difícil de acontecer por uma série de motivos tragicômicos. Ela não sabe que seu nome e sua linhagem estão ligados a uma promessa milenar. Uma dívida de sangue que em breve será cobrada e só o devasso do professor Rhael tem a chave para decifrar o enigma que a envolve.

O homem que tem no prazer o bem supremo de sua existência vai precisar rever seus conceitos, quando seus caminhos se cruzarem com os de Isa. Ele promete ser a salvação, mas ela será sua perdição. Prepare-se para acompanhar uma ardente disputa entre dois lados de um mesmo homem. Qual deles prevalecerá?

Resenha: Alta tensão | Lauren Blakely


Título: Alta tensão
Autora: Lauren Blakely
Editora: Faro Editorial
Número de páginas: 176
Classificação:

Sinopse: 
As mulheres costumam dizer que não é fácil encontrar um homem bom. E, encontrar um homem bom e que só de chegar perto as deixa sem ar, é ainda mais difícil. É por isso que sou um ótimo partido: bom, másculo, bem servido e, NOVIDADE, também estou pronto para largar as noitadas!

Mas eu precisava desejar uma mulher que mora do outro lado do país?
E, como se não bastasse, a irmã do meu amigo! Ponho na cabeça que lidar com isso é simples: tudo que tenho que fazer é resistir, me manter afastado o máximo possível… e eu tento, juro que tento, só que nem sempre funciona.

Então ela resolve contratar minha empresa de turismo para fazer trilhas ao ar livre e meu plano de resistência será posto à prova. À luz das estrelas, no meio de uma floresta e dividindo a mesma barraca, até mesmo um homem focado como eu, pode perder o controle.

Resenha: Tão minhaChristine King

Título: Tão minha
Autora: Christine King
Editora: Independente
Número de páginas: 706
Classificação: 

Sinopse: Um homem mais velho e uma menina num jogo de amor proibido.

Gianluca Tedesco era o objeto de desejo da adolescente Josephine. Era lindo, rico e um canalha, e Josphine achava que ele era o SEU canalha, enquanto ele a seduzia sem saber, com seu sorriso torto, seu melhor terno e seu corpo excitante.
Josephine era apenas a amiga de sua irmã, e quanto mais proibido Gianluca se mostrava, mais ela o queria.
Porque o proibido é mais gostoso, dizia Gianluca com seu olhar escuro e misterioso, enquanto o corpo de Josephine reagia, pedindo por ele.
Eles brincaram tanto de perigo, que um dia se queimaram.
Tempos depois, o destino diria se ainda haveria um futuro para eles.
Depois de se ferirem, ela
ainda seria tão sua?
Gianluca, porém, não tinha dúvida: ela seria sua.
Um romance ardente e sensual, com uma profunda aura romântica.

Resenha: A prometida | Kiera Cass


Título: A prometida
Autora: Kiera Cass
Editora: Seguinte
Número de páginas: 344
Classificação:

Sinopse: Quando o rei Jameson se declara para a Lady Hollis Brite, ela fica radiante. Afinal, a jovem cresceu no castelo de Keresken, competindo com as outras damas da nobreza pela atenção do rei, e agora finalmente poderá provar seu valor.

Cheia de ideias e opiniões, logo Hollis percebe que, por mais que os sentimentos de Jameson sejam verdadeiros, estar ao seu lado a transformaria num simples enfeite. Tudo fica ainda mais confuso quando ela conhece Silas, um estrangeiro que parece enxergá-la ― e aceitá-la ― como realmente é. Só que seguir seu coração significaria decepcionar todos à sua volta…
Hollis está diante de uma encruzilhada ― qual caminho levará ao seu final feliz?