Resenha: Os sete marido de Evelyn Hugo | Taylor Jenkins Reid


Título: Os sete marido de Evelyn Hugo
Autora: Taylor Jenkins Reid
Editora: Paralela
Número de páginas: 360
Classificação:Nenhuma descrição de foto disponível.

Sinopse: Com todo o esplendor que só a Hollywood do século passado pode oferecer, esta é uma narrativa inesquecível sobre os sacrifícios que fazemos por amor, o perigo dos segredos e o preço da fama.
Lendária estrela de Hollywood, Evelyn Hugo sempre esteve sob os holofotes ― seja estrelando uma produção vencedora do Oscar, protagonizando algum escândalo ou aparecendo com um novo marido… pela sétima vez.
Agora, prestes a completar oitenta anos e reclusa em seu apartamento no Upper East Side, a famigerada atriz decide contar a própria história ― ou sua “verdadeira história” ―, mas com uma condição: que Monique Grant, jornalista iniciante e até então desconhecida, seja a entrevistadora.
Ao embarcar nessa misteriosa empreitada, a jovem repórter começa a se dar conta de que nada é por acaso ― e que suas trajetórias podem estar profunda e irreversivelmente conectadas.

Resenha: Controle | Natalia Borges Polesso


Título: Controle
Autor: Natalia Borges Polesso
Editora: Companhia das Letras
Número de páginas: 176
Classificação: Nenhuma descrição de foto disponível.

Sinopse: Conhecida por sua escrita ritmada, informal e envolvente, Natalia Borges Polesso apresenta, em Controle, uma narrativa impactante sobre relações homoafetivas entre mulheres, o poder do desafio e, acima de tudo, as escolhas que precisam ser feitas para que as pessoas se tornem quem elas querem ser. Mesclando citações de letras da banda New Order em seu texto, a autora escreve um romance geracional que permanecerá na mente do leitor.

A protagonista, Nanda, é epilética. Descobriu o transtorno ainda na infância, depois de uma queda de bicicleta, e sua vida nunca mais foi a mesma. Cercada de cuidado pelos pais, com medo de crescer e sair da casca protetora fornecida por sua condição, ela evita ao máximo o contato humano — exceto pela amiga, Joana. Mas compartilhar o que acontece na vida de outra pessoa não é como viver junto dela. Nanda se pergunta até quando conseguirá manter a rotina morna que leva. Porém, seu dia a dia será posto em xeque quando ela finalmente se der conta de que não viveu.





Crítica| Jumanji: Próxima Fase

Título original: Jumanji: The Next Level
Direção: Jake Kasdan
Elenco: Dwayne Johnson, Jack Black, Kevin Hart, Karen Gillan, Awkwafina, com a participação de Danny DeVito, Danny Glover, Alex Wolff, Ser'Darius Blain, Morgan Turner,  Madison Iseman e Rory McCann
Classificação: 

Sinopse: Tempos depois de sobreviver à aventura em Jumanji, os 4 amigos resolvem se reunir novamente, mas quando um deles não aparece na hora marcada, os outros decidem investigar e se veem novamente sugados pra dentro do jogo, mas dessa vez estão acompanhados pelos septuagenários Edward Gilpin (Danny Devito/Dwayne Johnson) e Milo Walker (Danny Glover/Kevin Hart), e precisam vencer o jogo mais uma vez, enquanto procuram pelo amigo desaparecido. 

Resenha: A caçadora de Dragões | Kristen Ciccarelli


Título:  A caçadora de Dragões 
Autora: Kristen Ciccarelli 
Editora: Seguinte
Número de páginas: 398
Classificação:Nenhuma descrição de foto disponível.

Sinopse: Primeiro volume de uma trilogia fantástica, em que dragões e humanos estão em guerra — e cabe a uma garota matar todos eles.
Quando era criança, Asha, a filha do rei de Firgaard, era atormentada por sucessivos pesadelos. Para ajudá-la, a única solução que sua mãe encontrou foi lhe contar histórias antigas, que muitos temiam ser capazes de atrair dragões, os maiores inimigos do reino. Envolvida pelos contos, a pequena Asha acabou despertando Kozu, o mais feroz de todos os dragões, que queimou a cidade e matou milhares de pessoas — um peso que a garota ainda carrega nas costas. Agora, aos dezessete anos, ela se tornou uma caçadora de dragões temida por todos. Quando recebe de seu pai a missão de matar Kozu, Asha vê uma oportunidade de se redimir frente a seu povo. Mas a garota não vai conseguir concluir a tarefa sem antes descobrir a verdade sobre si mesma — e perceber que mesmo as pessoas destinadas à maldade podem mudar o próprio destino.

Resenha: Pessoas Normais | Sally Rooney

Resultado de imagem para pessoas normaisTítulo: Pessoas Normais
Autor: Sally Rooney
Editora: Companhia das Letras
Número de páginas: 262
Classificação: Nenhuma descrição de foto disponível.
Sinopse: Na escola, no interior da Irlanda, Connell e Marianne fingem não se conhecer. Ele é a estrela do time de futebol, ela é solitária e preza por sua privacidade. Mas a mãe de Connell trabalha como empregada na casa dos pais de Marianne, e quando o garoto vai buscar a mãe depois do expediente, uma conexão estranha e indelével cresce entre os dois adolescentes – contudo, um deles está determinado a esconder a relação.

Um ano depois, ambos estão na universidade, em Dublin. Marianne encontrou seu lugar em um novo mundo enquanto Connell fica à margem, tímido e inseguro. Ao longo dos anos da graduação, os dois permanecem próximos, como linhas que se encontram e separam conforme as oportunidades da vida. Porém, enquanto Marianne se embrenha em um espiral de autodestruição e Connell começa a duvidar do sentido de suas escolhas, eles precisam entender até que ponto estão dispostos a ir para salvar um ao outro. Uma história de amor entre duas pessoas que tentam ficar separadas, mas descobrem que isso pode ser mais difícil do que tinham imaginado.



"O fenômeno literário da década." – The Guardian