Playlist: Sandy e junior

Nossa playlist de hoje é da dupla Sandy e junior, que acredito que todos conheçam, mas se ainda não conhece, vamos ver um pouco da história da dupla...
Sandy & Junior foi uma dupla vocal brasileira formada por imãos, filhos do também cantor “Chitãozinho e Xororó” (brincadeira kkkk) filhos do Xororó cantor sertanejo,a dupla viu sua trajetória profissional na música se concretizar após uma aparição no programa som brasil, em 1989, onde cantaram "Maria Chiquinha" e ganharam projeção nacional, e depois disso não pararam mais, fizeram parte da minha infância e de milhares de pessoas dos anos 90, mas infelizmente em 17/04/2007 a dupla decidiu encerrar suas atividades,  Sandy & Junior são recordistas em vendas de discos no Brasil, ao todo, estima-se que tenham ultrapassado a marca de 20 milhões de cópias vendidas entre CDs e DVDs.

Sandy continua com sua carreira de cantora, no qual já fizemos uma playlist dela aqui no blog, e Junior é produtor musical.
Enfim vamos a playlist e relembrar uns dos sucessos da dupla

1- Sandy e junior- A lenda

Lançamentos do mês | Setembro

Oi pessoas, como estão todos ?

Hoje irei falar sobre alguns lançamentos, esperados para o mês de Setembro.


Têm continuações de séries, livros de autoras brasileiras, que vocês com toda a certeza não se arrependeram de conferir. Além, de alguns livros que foram sucesso na Bienal.


Não deixem de conferir!



Título: Porque abri os olhos por Juliana Mendes
Editora: Ler Editorial
Gênero: Romance,Erótico
Sinopse
Série: Porque fechei os olhos 02
E se a descoberta for muito além de uma simples escolha?
  Quando Andrew, finalmente, decidiu se declarar para Karen, uma briga entre os dois terminou em um acidente de carro que o deixou entre a vida e a morte. O peso da culpa caiu sobre ela como um carrasco, fazendo com que prometesse a Andrew que, se ele sobrevivesse, ela lhe daria uma chance.
 Porém, enquanto Andrew está no hospital, Paul Newman consegue derrubar as barreiras de Karen, uma a uma, ganhando acesso à sua vida e aos seus sentimentos. Mas, Andrew acorda e, por um acaso do destino, se lembra da promessa que a amiga fez enquanto ele estava em coma. Agora, Karen se depara com uma difícil decisão: cumprir a promessa, sendo leal ao seu melhor amigo, ou ficar com Paul, o homem que transformou seu coração?
  Você não pode perder o desfecho dessa dolorosa história de amor, amizade, luta e superação.

Sobre a Autora: Juliana Mendes é Psicóloga e Escritora. Carioca, residente em Belo Horizonte, começou a escrever ainda na infância, mas foi aos 26 anos que se enveredou nas aventuras da literatura romântica e sensual. Aos 34 anos, consolidou sua escrita com o lançamento do primeiro volume da duologia romântico-erótica intitulada “Porque fechei os olhos”.
Saiba Mais 
1° Livro 
Skoob 

Jogos Maníacos: Evoker


Título: Evoker
Empresa: Flaregames GmbH
Lançamento: 2013
Classificação: 
Sinopse

Evoker é um jogo de cartas Mobile gratuito onde monstros são invocados para batalhar contra os inimigos, bem ao estilo Yu-Gi-Oh ou MAGIC. O que o diferencia de jogos do estilo é o elemento de RPG que é inserido, além de uma dinâmica de batalha onde a estratégia inicial pode definir o vencedor antes mesmo da disputa começar.

Resenha | Coffee Prince (K-Drama)


Título: Coffee Prince.
Direção: Lee Yoon Jung.
Ano: 2007.
Elenco: Gong Yoo, Yoon Eun Hye, Lee Sun Gyun, Kim Jae Wook, Chae Jung Na, Yong Ok Kim, Kim Chang Wan, Lee Han Wi, Kim Dong Wook.
Número de episódios: 17.
Classificação: 
Sinopse: “Para uma menina arrapazada desesperada para sustentar sua família e um herdeiro apático de um conglomerado alimentar, as mentiras que eles contam ludibriam-nos em uma complicada teia de emoções. Go Eun Chan (Yoon Eun Hye), cujos maneirismos de garoto e boa aparência andrógena fazem com que seja confundida com um garoto bonito, carrega o fardo de sustentar sua mãe irresponsável e irmã mais nova depois da morte de seu pai. Choi Han Kyul (Gong Yoo), o herdeiro de uma grande empresa alimentar, está sob pressão constante de sua avó para entrar no negócio de família e se casar para fornecer a próxima geração de herdeiros. Como resultado, Han Kyul é forçado a ter muitos encontros combinados e a assumir uma cafeteria velha. Os mundos de Eun Chan e Han Kyul colidem um dia, e Han Kyul confunde Eun Chan com um homem. Han Kyul contrata Eun Chan para fazer de seu amante gay para que a sua avó o deixe em paz e pare com os encontros combinados. Desesperada por dinheiro, Eun Chan não só aceita o estratagema mas também mantém seu disfarce masculino para conseguir um trabalho na cafeteria de Han Kyul. Para revitalizar a cafeteria, Han Kyul chama-lhe “Príncipe do Café” e contrata apenas homens bonitos para trabalhar lá. Mas han Kyul começa a questionar sua sexualidade quando começa a desenvolver uma atração pela carismática Eun Chan. (Baseado em um romance de Lee Sun Mi).”

Crítica | Mãe! de Darren Aronofsky


Título: Mãe! (Mother!)
Direção: Darren Aronofsky
Elenco: Jennifer Lawrence, Javier Bardem, Ed Harris, Michelle Pfeiffer
Classificação: Nenhum texto alternativo automático disponível.
Sinopse: A história de um casal que tem o relacionamento testado quando pessoas não convidadas surgem em sua residência, acabando com a tranquilidade entre eles.