Resenha: After the Kiss | Lauren Layne

Título: After the Kiss.
Autora: Lauren Layne.
Número de páginas: 201.
Classificação: Nenhum texto alternativo automático disponível.
Sinopse: Julie Greene ama jogos. Adora primeiros encontros quentes, crepitantes primeiros beijos e de vez em quando, aquele primeiro jogo “sexy” entre os lençóis. Noites de cinema no sofá, calças confortáveis, domingos sonolentos? Estremecimentos. Mas quando Julie fica atribuída a história mais difícil de sua carreira – um relato de primeira pessoa dessa mudança magica entre namoro e “sim” – ela vai precisar de um homem corajoso o suficiente para dar ao total compromisso uma chance a mais.
Normalmente, Mitchell Forbes seria exatamente esse homem. Um workaholic devastadoramente quente que tende a permanecer em um relacionamento por muito tempo, ele deve ser o assunto perfeito para a “pesquisa” de Julie. Mas o que Julie não sabe é que Mitchell está tentando arriscar-se pela primeira vez em sua vida. E a jornalista notória que evita o amor é exatamente o tipo de aventura sem compromisso, que ele está procurando. Em outras palavras, Mitchell é o oposto das necessidades de Julie agora. E, ao mesmo tempo, ele é exatamente o que ela quer.

Resenha: O Lado Feio do Amor | Colleen Hoover




Título : O lado feio do amor 
Autora : Colleen Hoover
Editora : Galera Record
Classificação : 
Sinopse
Quando Tate Collins se muda para o apartamento de seu irmão, Corbin, a fim de se dedicar ao mestrado em enfermagem, não imaginava conhecer o lado feio do amor. Um relacionamento onde companheirismo e cumplicidade não são prioridades. E o sexo parece ser o único objetivo. Mas Miles Archer, piloto de avião, vizinho e melhor amigo de Corbin, sabe ser persuasivo... apesar da armadura emocional que usa para esconder um passado de dor. O que Miles e Tate sentem não é amor à primeira vista, mas uma atração incontrolável. Em pouco tempo não conseguem mais resistir e se entregam ao desejo. O rapaz impõe duas regras: sem perguntas sobre o passado e sem esperanças para o futuro. Será um relacionamento casual. Eles têm a sintonia perfeita. Tate prometeu não se apaixonar. Mas vai descobrir que nenhuma regra é capaz de controlar o amor e o desejo.

Resenha: Resident Evil: A Conspiração Umbrella #1 | S. D Perry

Título: Resident Evil - Vol.1 - A conspiração Umbrella
Autora: S. D. Perry
Editora: Benvirá
Páginas: 230
Classificação: Nenhum texto alternativo automático disponível. Nenhum texto alternativo automático disponível.
Sinopse: Ao investigar alguns incidentes canibalistas na floresta de Raccoon, próximo as montanhas Arklay, a equipe Bravo dos S.T.A.R.S (Special Tactics And Rescue Squad - Esquadrão Especial de Táticas e Resgate) é designada para investigar, mas ela perde o contato de rádio. Então, a equipe Alfa é designada para encontrar a equipe Bravo, mas acaba achando uma mansão inabitada no meio das montanhas. Aquela mansão garantirá a equipe Alfa vários pesadelos inomináveis...


Resenha: Mitologia Nórdica | Neil Gaiman

Título: Mitologia Nórdica
Autor:  Neil Gaiman
Editora: Intrínseca
Número de páginas: 288
Classificação: 
Sinopse: Neil Gaiman tem sido inspirado pela mitologia antiga na criação dos reinos fantásticos de sua ficção. Agora ele volta sua atenção para a fonte, apresentando uma versão bravura das grandes histórias do norte.

Na mitologia nórdica, Gaiman permanece fiel aos mitos ao prever o maior panteão dos deuses nórdicos: Odin, o mais alto dos altos, sábios, ousados ​​e astutos; Thor, filho de Odin, incrivelmente forte, mas não o mais sábio dos deuses; E Loki-filho de um irmão de sangue gigante para Odin e um malandro e insuperável manipulador.

Gaiman modela essas histórias primitivas em um arco romântico que começa com a gênese dos nove mundos lendários e mergulha nas façanhas de deidades, anões e gigantes. Uma vez, quando o martelo de Thor é roubado, Thor deve disfarçar-se como uma mulher - difícil com sua barba e enorme apetite - para roubá-lo de volta. Mais pungente é o conto em que o sangue de Kvasir - o mais sagaz dos deuses - se transforma em um hidromel que infunde bebedores com poesia. O trabalho culmina em Ragnarok, o crepúsculo dos deuses e o renascimento de um novo tempo e de pessoas.

Através da prosa hábil e espirituosa de Gaiman surgem esses deuses com suas naturezas ferozmente competitivas, sua susceptibilidade a ser enganados e enganar os outros e sua tendência a deixar a paixão inflamar suas ações, fazendo com que esses mitos há muito tempo respirem uma vida pungente novamente.

Resenha: Pseudônimo Mr. Queen | Loraine Pivatto

Título: Pseudônimo Mr. Queen
Autora: Loraine Pivatto
Editora: Independente
Número de Páginas: 404
Classificação: 
Sinopse: O ano é 2012, dia 21 de dezembro. E a temida profecia maia acaba de se cumprir.
Cidades devastadas, ruas vazias. A população mundial bruscamente reduzida, e a história dos sobreviventes começa a ser contada.
Os escolhidos iniciam um novo mundo, baseado nas novas regras passadas através dos sonhos. Agora serão 2 vidas:
A primeira até os 70 anos,
A segunda, a partir dos 20 e até os 100.
150 anos no total.
Nenhum segundo a mais.
A nova sociedade começa a surgir:
Sem desigualdade, sem dinheiro, sem doenças, sem possibilidade de mortes prematuras,
Exceto por uma maneira.
Uma única maneira de morrer, mas que não pode ser revelada.
Um segredo que precisa ser guardado.
Para salvar a sociedade de si mesma.