Clube de Séries : The Client List | 1 Temporada

Hey,people!!!!



O Clube de serie de hoje é sobre um seriado que amo, e que é minha nova obsessão :






The Client List é um seriado norte americano,baseado no telefilme homônimo exibido em 2010  pelo canal Lifetime,estrelado pela minha amada,deusa Jennifer Love Hewitt(eu já falei que amo ela,rs).


A historia é sobre uma mãe que apos ser abandonada pelo marido subitamente,tem que criar os dois filhos,ao mesmo tempo que tenta pagar inúmeras contas e não ser despejada da própria casa. Sem muitas opções Riley começa a trabalhar em um Spa de massagens,só que o que ela não sabe é que o Spa é apenas uma fachada para as atividades de prostitutas de luxo.





O seriado é super dramático o que as vezes me chateia,pois,confesso : adoro as cenas em que ela aparece seminua,fazendo massagens. The Client List é um tremendo sucesso no EUA,tornou-se uma das maiores audiências do canal,  a série estreou em abril registrando a média de 2.8 milhões de telespectadores. 

Ao longo dos quatro primeiros episódios  a série registrou a média de 2.7 milhões de telespectadores ao vivo, com 1.3 milhões,sendo que a Jennifer foi até indicada ao Globo de Ouro por sua atuação,no Telefilme.(A personagem chega até a ser presa no filme,a performance dela está magistral)






A série é baseada em um escândalo ocorrido em 2004 em uma casa de massagens que servia para prostituição. O seriado está gerando um super escandalo no EUA : Licensed Massage Therapists criou uma campanha para tentar impedir a estreia da série. Alegando que a produção perpetua um conceito errado sobre a profissão de massagista, eles pedem que a série seja descartada pelo canal


   TRAILER :




Espero que tenham gostado da dica,e que amem e se emocionem tanto quanto eu.

ATÉ NA PROXIMA,
XOXO,

                                                     MANOEL ALVES.

Comente com o Facebook:

Um comentário:

  1. Pena que o efeito série, eu acho que foi muito bom, apesar de existirem outras séries com o mesmo tema que também são muito bons como O Negocio, embora seja claro que este último não tem vergonha em contar a história de seus protagonistas.

    ResponderExcluir