Resenha: No Mundo da Luna | Carina Rissi


Título:
 No Mundo da Luna 
Autor:  Carina Rissi 
Editora: Verus
Número de páginas:  476
Classificação:  
SinopseA vida de Luna está uma bagunça! O namorado a traiu com a vizinha, seu carro passa mais tempo na oficina do que com ela e seu chefe vive trocando seu nome.
Recém-formada em jornalismo, ela trabalha como recepcionista na renomada Fatos&Furos. Mas, em tempos de internet e notícias instantâneas, a revista enfrenta problemas e o quadro de jornalistas diminuiu drasticamente. É assim que a coluna do horóscopo semanal cai no colo dela. Embora não tenha a menor ideia de como fazer um mapa astral e não acredite em nenhum tipo de magia, Luna aceita o desafio sem pestanejar. Afinal, quão complicado pode ser criar um texto em que ninguém presta atenção?
Mas a garota nem desconfia dos perigos que a aguardam e, entre muitas confusões, surge uma indesejada, porém irresistível paixão que vai abalar o seu mundo. O romance perfeito — não fosse com o homem errado. Sem saída, Luna terá que lutar com todas as forças contra a magia mais poderosa de todas, que até então ela desconhecia: o amor.
Com seu estilo ágil e fluido, Carina Rissi criou em No mundo da Luna uma leitura viciante, permeada de humor, magia e paixão, que vai conquistar você do início ao fim.


 Resenha:
      Ouvi muitas críticas sobre a personagem principal, apesar de que muitos adorarem o livro. 
Já deixo claro, ao caro leitor, que se livros fossem apenas feitos com personagens fortes, decididos, o que seria da verossimilhança com o mundo? (Deixo aqui a minha crítica).
     De fato, Carina gosta de escrever sobre personagens mais frágeis, malucos e até mesmo as meninas mimadas do mundo real. O que agradeço, já que dá a chance desses tipos de personagens ganharem um espaço no mundo literário. 

   Luna é teimosa, cheia de manias, devidamente aborrecida com a vida, insegura,completamente confusa com os sentimentos, e principalmente finge que os não tem várias vezes. Tenho certeza que você já conheceu gente desse tipo,não é ? 
Apesar disso tudo, a estória criada é bem interessante, se você se interessa no mundo do tarô, provavelmente vai querer dar uma espiada neste livro. 
  No livro além de passar por desentendimentos com o chefe, ela se envolve de maneira que nem ela mesmo se entende. E no trabalho ela acaba tendo que pegar um cargo que ela não queria, e muito menos entendia, na tentativa de segurar seu emprego. 
   E o mais interessante nesse livro são as mensagens que são passadas ao longo do livro, coisas do tipo: como as oportunidades são importantes,a valorização de pequenos momentos no seu dia e etc...
Luna Lavori Braga. Ganhei esse nome porque minha mãe era apaixonada pela lua

   Por sua vez, temos Dante,principal alvo de Luna na história, já que ele acaba sendo motivo da sua mudança no trabalho, das suas frustrações com o amor, e toda sua raiva é deslocada a esse personagem que parece ser um homem devidamente prepotente,frio. Mas que ao decorrer do livro mostra que é apenas um babaca, que tende esconder o que realmente é. E principalmente viaje com as sitações de Clarisse Linspector.
       Dizer não basta. Não é o suficiente, não tem valor algum. O próprio Igor deixou claro. Palavras desaparecem, as ações, os gestos é que realmente contam.- Dante
   Em contra ataque temos mais alguns personagens pré-dispostos a ficar com Luna, o que é mais engraçado é a resposta positiva em cima de um desses personagens com a suas tiradas. O que diferencia de outros livros, já que muitas vezes a principal parece relutante ao tentar seguir em frente com outro cara. 
  
  No livro é abordado um pouco da cultura das ciganas, e em mente, penso que Carina não quis arriscar com tantos detalhes, por que não era tão necessário, já que o livro se trata de um romance. 
E já falando nisso, tenho que atenuar as cenas calientes, durante a trama que foi um pouco mais pro lado adulto que qualquer livro dessa autora já foi. 
  Apesar de ter bastante páginas, a leitura é feita muito rapidamente, e novamente, os livros da Carina garantem que quem estiver lendo se sinta uma mosca na cena. 
      Ele não era o príncipe encantado que eu havia esperado a vida toda.Definitivamente não era a pessoa pra mim. Mas quer saber? Eu não queria a pessoa certa... Queria alguém que, de tão diferente de mim, me completasse. 
Para finalizar é um livro viciante, e um ótimo livro pro público que Carina gosta de atingir. Alguns erros, que pra mim não me atrapalharam a olhar o conto de uma maneira bem ampla, que não importaram no final, até por que as qualidades se sobressaltaram e ficaram na minha mente até hoje.

3 comentários:

  1. Olá ^^

    Carina Rissi como sempre arrasando rsrs
    Adorei a abordagem sobre ciganas, parece bem diferente!

    Bjinhos,

    http://livrosentretenimento.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Por mais que persoangens fortes e destemidos sejam preferencia da grande maioria de leitores, acho que personagens quee são mais prximos da realidade (como parece ser o caso da Luna) são extremamente importantes, pois ajudam mais ainda na reflexão sobre o que está acontecendo...
    Adoro os livros da CArina, mas infelizmente ainda não consegui ler este

    bjos
    Pah
    Lendo e Escrevendo

    ResponderExcluir
  3. Aaa eu tbm adoro quando os personagens principais tem defeitos e inseguranças, ou são meio doidinhos kkkkkk' isso traz mais realidade a história... ao meu ver

    www.maisumleitor.com

    ResponderExcluir