Resenha: Endgame - O Chamado #1 | James Frey e Nils Johnson-Shelton

EndgameTítulo: Endgame – O Chamado
 Autores:James Frey e Nils Johnson-Shelton
 Páginas: 504
 Classificação: 
Editora: Intrínseca
Sinopse: "A história começa há doze mil anos, quando seres poderosos desceram do céu entre fumaça e fogo e criaram a humanidade, deixando-nos regras segundo as quais viver. Precisavam de ouro, e, para extraí-lo, instalaram aqui as doze linhagens que deram origem às nossas antigas civilizações. Quando conseguiram o que queriam, foram embora. Mas avisaram que um dia retornariam e que, quando isso acontecesse, seria para o Jogo. O Jogo que determinaria nosso futuro. Os Jogadores terão que achar três chaves, que estão espalhadas pelo planeta. Quem achá-las primeiro ganha. Endgame: O Chamado acompanha a busca dos doze Jogadores pela primeira chave"




                                                       
                                                                     - Resenha -

Quando meteoros começam a cair em diversas partes do globo, eles sabem do que se trata: O Chamado. Estou indo rápido demais? Go to slow!
Essas "bolas de fogo" foram enviadas pelo (vamos chamar de) "povo do céu" – a raça superior responsável pela criação da terra e seus afins – dando início ao Endgame. O "povo do céu" escolhe um membro de cada uma das 12 linhagens primordiais (as 12 primeiras a iniciar o povoamento da terra) entre 13 e 20 anos para procurar três chaves espalhadas pelo mundo: a chave da terra, a chave do céu e a chave do sol. No final do jogo, a linhagem que conseguir obter todas as três chaves, sobreviverá.

Cada linhagem escolhe seu jogador – lembrando que entre 13 e 20 anos – e o prepara de todas as maneiras possíveis, do útil ao... desagradável.
Teremos jogadores da América do Norte, Sul, Europa, Ásia e Oriente Médio. Cada um deles com uma personalidade distinta, o que vai nos render aqueles desentendimentos tão calorosos. Quem não gosta de uma boa treta literária?

Uma coisa que eu particularmente gostei muito no livro, foi a forma como ele foi escrito. Não temos a visão de uma terceira pessoa, mas sim em primeira mão de alguns dos jogadores, o que torna tudo bem mais interessante: cada jogador vai narrar seu ponto de vista, e assim podemos apreciar a evolução de uma história eletrizante , sangrenta e bem elaborada de vários ângulos. Olha que maravilha?!

A escrita de baseia em divisão de capítulos com descrições rápidas e frases objetivas, o que para algumas pessoas pode não ser muito bom, enquanto para outras pode ser incrível; afinal, acompanha o ritmo da história.

Aviso! *But not spoilers here*


Vocês conhecem George Martin, certo? J.K. Rowling, John Green? Ótimo! Porque os autores desse livro também não tem pena de seus personagens. Mas convenhamos: estamos falando de um jogo onde a unica regra é: não existem regras. É a sobrevivência de toda uma linhagem em jogo, então o que tiver que ser feito para que isso aconteça, que seja! Quem se importa? *jogadores das outras linhagens, cof cof*.

Quanto às indicações de "plágio" com outros livros. 12 distritos, 12 linhagens... Sobrevivência... Só pode haver um (Highlander???)... Eu chamaria de semelhanças. Imagine uma mistura de Jogos Vorazes, com Maze Runner – não, não tem labirinto – e Jogos Mortais (e Highlander!) = Endgame.
São histórias semelhantes? De longe, são. E está aí mais um motivo para lerem: se você gostou de Jogos Vorazes/Maze Runner/até de Highlander você vai gostar de Endgame.

Mais uma coisa! Quando foi lançado, os autores propuseram um desafio. O seu livro inteiro é um enigma, com um prêmio. Desvende-o e fature US$ 500 mil. Seria uma pena se... Alguém já tivesse ganhado. *Pela data de lançamento (27 de outubro de 2014), parece que já temos um ganhador*

E é isso! Este maravilhoso livro da Editora Intrinseca é o primeiro de uma trilogia de mesmo nome, onde sobreviver é o que há. Gosta de história? Aventuras sangrentas? Seres de outro mundo? Ação? Mistérios? Tretas onde te garanto que cabeças vão rolar? (E uns amorzinho de vez em quando.) Afinal, ninguém é 100% guerreiro-assassino-sobrevivente o tempo inteiro) Esse é o livro certo pra você.

Você agora pertence a uma linhagem, e não se esqueça: a sua sobrevivência irá garantir a sobrevivência dela.
                                           Este é o Endgame, jogador.
                                            Seja bem vindo.

1 comentários:

  1. Já quero esse livro na minha estante AGORA! Amei THG e nunca encontrei outro livro que me fizesse sentir o mesmo, mas, estou com um persentimento que acabei de encontrar! Resenha incrível! Beijos
    https://www.booksofclara.blogspot.com

    ResponderExcluir