Resenha: O Circo Mecânico Tresaulti | Genevieve Valentine

Título: O Circo Mecânico Tresaulti
Autor: Genevieve Valentine
Editora: DarkSide Books
Número de Páginas: 320
Classificação:
Sinopse:  Em pleno cenário pós-apocalíptico, O Circo Mecânico Tresaulti ergue sua lona e dá início ao grande espetáculo. Ambientado sobre a perigosa superfície de um mundo devastado, cheio de bombas e radiação remanescentes de uma guerra pela qual todos já saíram derrotados, este belo romance nos apresenta uma caravana circense em eterna viagem através de muitas cidades sem país, região ou rota definida. Lugares que podem não mais existir quando o circo retornar. Aqueles que se juntam ao circo procuram segurança, trabalho sem risco de vida ou apenas uma nova forma de recomeçar. E seguir adiante, apesar de tudo. Boss, a força motora do circo, agrega novos personagens, atraídos pela sua habilidade muito especial para recuperar corpos mutilados pela guerra, criando assim magníficos seres mecânicos pós-humanos – repletos de complexas engrenagens, placas de ferro, pétalas de cobre, pulmões relojoaria, rodas e pistões –, cada um trazendo para o circo algo nunca visto e sentido antes. O público se aglomera para ver de perto as proezas desse grupo de pós-humanos fascinantes mas por vezes sombrios. É nesse picadeiro que enxergamos uma parte de nós em uma delicada lente de aumento.
O que dizer dessa linda capa de edição especial? Simplesmente magnífica. Os detalhes, o cuidado artístico, as ilustrações internas, fazem com que o livro realmente pareça um espetáculo. Porém não é um livro "fácil" de se ler. Vamos explicar.
A questão é, as habilidades artísticas de Boss chamaram a atenção do governo, e outra guerra teve início quando estes entenderam que poderiam muito bem usar as criações dela como armas.
Isso significa que você deve ignorar este livro? De forma alguma! É um livro maravilhoso. Este foi apenas o meu ponto de vista diante da obra, mas amei cada pedaço do livro, apesar das leves confusões.






– Resenha –

Devo deixar claro que não sou muito chegada à histórias circenses. Mas depois da insistência de alguns amigos, e também pelo toque "steampunkno título da obra, decidi me render aos encantos do circo.

Em meio a uma pós guerra causada por um governo vil e ambicioso, o Circo Tresaulti tem em cargo de chefe uma mulher chamada Boss, com uma estranha habilidade de... "transformar" as pessoas para que entrem em sua equipe circense (me refiro a mudanças físicas, incluindo molas e placas de metal), viajando pelo devastado mundo pós apocalíptico para levar um toque do que eles já nem se lembravam mais da existência: diversão. Mas até aí tudo bem.

Porém agora deixemos o tema e passemos para a construção. Do começo ao fim, a narrativa do livro se alterna entre a versão em primeira pessoa de Little George (pau pra toda obra no Tresaulti) e uma narração em terceira pessoa, o que em muitos pontos faz com que a trama perca seu sentido, oscilando do necessário ao superficial. E justamente por esse motivo eu quase desisti de ler. Foi uma leitura arrastada... Confusa... Por vezes até cansativa... Tive de prestar bastante atenção em todos os pontos, ou perderia detalhes importantes. Se você não prestar atenção em uma estrofe, as próximas podem não fazer sentido algum. Apenas no final o livro ganha mais vida, prendendo a atenção do leitor com um misto de ação e aventura. Uma trama inovadora, que na minha opinião, por não ter sido devidamente explorada acabou deixando pontas soltas e algumas explicações a desejar. Isso significa que você deve deixar de ler esse livro maravilhoso? De forma alguma! Essa foi apenas a minha opinião como leitora, a sua pode ser bem diferente. é um livro incrível, portanto merece um chance.

Concluindo, embora o objetivo da trupe seja levar alegria em meio a um mundo de caos, eu diria que é um livro... triste. E complicado, considerando o cenário e os golpes de poder. Não sei dizer se não gostei taaaaaaanto assim pelo tema, ou se realmente pela confusa e indireta narrativa, embora tenha quase certeza de que pela segunda opção.


Senhoras e Senhores aqui presentes, sejam muito bem vindos ao Circo Mecânico Tresaulti.
Que se inicie o espetáculo.

0 comentários:

Deixe seu comentário