Resenha : Talvez um dia | Colleen Hoover



Título: Talvez um dia
Autora : Colleen Hoover
Editora :Galera Record
Número de páginas: 368

Classificação : 

Sinopse :  

Sydney acabou de completar 22 anos e já fez algo inédito em sua vida: socou a cara da ex- melhor amiga. Até hoje, ela não podia reclamar da vida. Um namorado atencioso, uma melhor amiga com quem dividia o apartamento... Tudo bem, até Sydney descobrir que as duas pessoas em quem mais confiava se pegavam quando ela não estava por perto. Até que foi um soco merecido. Sydney encontra abrigo na casa de Ridge. Um músico cujo talento ela vinha admirando há um tempo. Juntos, os dois descobrem um entrosamento fora do comum para compor e uma atração que só cresce com o tempo. O problema é que Ridge tem uma namorada, e a última coisa que Sydney precisa agora é se transformar numa traidora.




                                          - Resenha - 



Aí está mais um livro que entrou para a listinha de livros favoritos de 2016. 

O livro  que vou falar com vocês foi escrito pela autora Collen Hoover e o que dizer??  É, simplesmente, muito bom, foi um dos primeiros livros que li dessa autora e estou apaixonada pela escrita, já quero ler todos os livros dela - para ontem. 

Desde que a editora Galera Record anunciou que iria lançar esta obra, já fiquei muito ansiosa para ler, pois estava mega apaixonada por esta capa linda, além disso, sua sinopse me ganhou por inteira. 

Sydney tem 22 anos, está na faculdade, tem uma vida muito boa, está namorando Hunter e mora com Tori. Quase todas as noites estuda na varanda sempre no mesmo horário; eis que um rapaz toca na sua varanda e conforme os dias vão passando, isso vira uma rotina.

Ridge é compositor da banda do seu irmão e está passando por um bloqueio, mas nossa personagem principal lhe dá uma inusitada ajuda e, desde então, ele passa a querer a ajuda dela desesperadamente.

Numa certo dia, Sydney acha que sua melhor amiga e seu namorado estão tramando alguma surpresa para o seu aniversário, infelizmente o dia é marcado por ela descobrindo que esta sendo traída pelos dois. 

Após  ter dado um soco na cara da sua ex- melhor amiga, ela se encontra perdida, em um dia de chuva e sem ter para onde ir. 

                                E agora o que acontece? 


Ela vai para o apartamento de Ridge onde tem um quarto sobrando, ele mora com Warren que é um amigo maravilhoso, verdadeiro, é aquele amigo que bebe todas e fala tudo na cara, além disso, também temos a Bridgette, uma garota sempre mal humorada que ninguém suporta e mantém um relacionamento com Warren meio que as escondidas. 

Entretanto depois dessa ligação que eles sentem um pelo outro (que vai aumentando a cada dia), o problema é: Ridge tem uma namorada - Maggie - que mora em outra cidade, mas se falam todos os dias por mensagens, ela é uma personagem que te conquista  por ter um relacionamento sincero e por constatar alguns acontecimentos que nós leitores vamos descobrindo depois.

O leitor passa por fortes reflexões ao longo da história. O que mais gostei na leitura do livro foi a verdade dos sentimentos de todos os personagens envolvidos da história, esse conflito de sentimentos que vira uma bola de neve de emoções. Tiveram horas em que eu ficava com raiva do comportamento deles e outras em que eu ficava apaixonada.

Talvez Um Dia é um livro que vai te provocar fortes emoções, mexer com seus sentimentos e, além de tudo, fazer você pensar sobre a vida, se perguntar se o que você está sentindo é o suficiente e se te faz feliz.

                                        Recomendo demais !

2 comentários:

  1. Oi.
    Eu amei esse livro! Foi meu primeiro contato com a autora e posso dizer que foi espetacular. O que não gostei é que ele se estendeu demais, onde deveria já ter acabado, mas isso nada impede a nossa leitura. Amei o Ridge e a Sidney, todos os sentimentos deles são verdadeiro e me deixaram emocionada.
    Beijo, Visite o Leitora Encantada

    ResponderExcluir
  2. Eu quero muito ler esse livro! A cada resenha que eu leio, fico mais doidinha por ele. hahahahaha


    Beijos,
    Sara | Lendo com Amor
    www.lendocomamor.blogspot.com.br

    ResponderExcluir