Interestelar, o livro! | Jonathan e Christopher Nolan

Título: Interestelar
Autor:  Jonathan e Christopher Nolan. Romantização: Greg Reyes
Editora: Gryphus
Número de páginas: 268
Classificação: 
Sinopse: Do aclamado cineasta Christopher Nolan, diretor de A origem (Inception) e da trilogia Batman – O Cavaleiro das Trevas (Batman - The Dark Knight), INTERESTELAR é a crônica de um grupo de exploradores que se aproveita de um recém-descoberto buraco de minhoca para ultrapassar os limites das viagens espaciais tripuladas e assim conquistar as grandes distâncias de uma jornada interestelar. Enquanto viajam, estão em risco o destino do planeta... Terra...e o futuro da raça humana.
INTERESTELAR será o primeiro de uma série de livros que o novo selo editorial GRYPHUS GEEK oferecerá a seus leitores. O selo será dedicado à publicação de obras de ficção que remetam ao universo geek a partir de filmes, seriados de televisão ou livros originais. Ao lançar os livros Supernatural, a Gryphus Editora constatou existir um amplo público formado por leitores jovens adultos, ávidos por novidades desse segmento. GRYPHUS GEEK foi criado exatamente para atender essa demanda, oferecendo obras de prestígio e qualidade desse fascinante universo geek.
O livro INTERESTELAR consegue explicar com clareza a teoria do físico Kip Thorne, que inspirou esta incrível história de ficção científica. Não é por nada que o filme, estrelado por Matthew McConaughey e Anne Hathaway,tornou-se imediatamente um cult mundial. No entanto, graças ao livro, com suas 268 páginas, as complexas e sofisticadas teorias desenvolvidas por Kip Thorne ficam accessíveis à maioria dos leitores. O filme, por sua vez, até pela sua própria linguagem e natureza, não consegue ‘traduzir’ toda a profundidade e dimensão da história. Um livro profundo e interessante, para aqueles que viram o filme e para os que se preocupam com o futuro da humanidade.


                                                – Resenha –


 
“A humanidade nasceu na Terra. Não quer dizer que tenha de morrer aqui.”
Já viu o filme Interestelar? Pois é, um dos meus filmes preferidos de ficção científica. Quando vi que tinha livro, corri para lê-lo! Achei interessante descobrir que o livro veio depois do filme, não o contrário. Então, não houve discrepâncias — eu praticamente li o filme, com algumas coisas que foram acrescentadas.
“Às vezes você tem de ver sua vida à distância para que ela faça sentido, pensou. Para ver aquilo que provavelmente era óbvio para qualquer outra pessoa.”
Só que pra dar cinco estrelas e botar nos meus favoritos, o livro precisa de mais. A história é maravilhosa, só de pensar em contar a história já fico emocionada. Gosto muito, mesmo. Mas acho que faltou essa emoção no livro, acredito que ele poderia ser contado em primeira pessoa, não com um narrador que não descreve sentimentos tal qual descreve o funcionamento da nave e as teorias de Brand.

Eu adoro o modo como o filme trata o amor — algo tão grande e maravilhoso que ultrapassa até mesmo o espaço-tempo. Foi disso que senti falta no livro: o narrador descreve, mas não é com emoção. Temos diálogos emocionantes como no filme, mas duram pouco e tudo ocorre muito rápido, deixando o leitor sem tempo de pensar.

Concluindo, então, o filme é melhor. Mas não descarto a leitura do livro pra quem também ama a história, vale a pena, sim ;)

“ — Eu pensei que você fosse um fantasma — ela disse. Cooper viu que ela estava séria. — Não existe fantasma, Murph. — ele retrucou baixinho.”

0 comentários:

Deixe seu comentário