Resenha: Como se fosse magia | Bianca Brontes

Título : Como se fosse magia
Autora Bianca Briones
Editora Gutemberg
Número de páginas : 208
Classificação : 
Sinopse : Eva nasceu com o dom de passar os sentimentos para o papel, com isso conquistou milhares de leitores pelo mundo. Agora ela precisa escrever o último livro da sua série de fantasia, mas está com um bloqueio há um ano e não sabe o que fazer.
Enquanto ela tenta se reconectar a seus personagens, a vida coloca em seu caminho um homem igualzinho a um dos seus protagonistas.
O problema é que o desconhecido surge sem nenhuma lembrança de quem ele é.
Enzo está muito confuso. A princípio, ele duvida da conversa maluca de Eva. Mas, mesmo com seu ceticismo, ele não pode negar que se sente extremamente ligado a ela.
O que isso quer dizer?
Envolvidos por esse curioso e estranho mistério, Eva e Enzo estão prestes a descobrir que às vezes para que duas pessoas se encontrem mundos inteiros são capazes de colidir.


                                                Resenha 




Sempre encontro alguma semelhança nos livros que eu leio com a minha vida, com meu jeito de viver e ver a vida. Será que só comigo é assim?
E o livro  dessa vez foi sobre a escritora que está em numa crise de criativa e não escreve há 1 ano, e não termina sua principal saga. 

Acho que todo mundo que escreve já teve um branco (talvez não por tanto tempo). Mas como leitora eu também preciso estar no clima da leitura. Tem livro que eu compro e leio tempos depois, quando meu coração pede.

Na verdade tudo na minha vida é quando meu coração pede, me sinto sempre atras de todo mundo,por que sigo o ritmo do meu coração. E acho que a mensagem desse livro é essa, para que você ouça seu coração sempre.

Outro ponto que me identifiquei foi que a autora passa a mensagem de ser amor sempre, dar amor sempre em qualquer situação. E quando os outros não souberem ser amor, que você se recolha "apagar e esquecer" e vida que segue, pois a gente não ganha nada fazendo mal aos outros.

O livro também aborda o homossexualismo e mostra de uma forma muito bonito como todos os amigos deveriam se portar, defender e não aceitar o preconceito velado que existe.

Esse livro me surpreendeu muito. Em algumas partes achei repetitivo tocarem sempre no ponto de ser muito mágico o que a protagonista faz.

Eu curti a leitura, achei uma tremenda sacada uma história assim, fiquei com uma sensação de que poderia ser melhor desenvolvida, por é um tema interessantíssimo, acho que nunca li nada sobre isso.

Para quem é romântica e sonhadora como eu vai se deliciar com a leitura gostosinha que é esse livro. Ótimo para nos distrair e nos passar mensagem como se não quisesse nada.


                                      Por : Emili Ribeiro

0 comentários:

Deixe seu comentário