Resenha: A viagem do tigre | Colleen Houck

                                                                Título: A Viagem do Tigre
                                                                Autora: Colleen Houck
                                                                Editora: Arqueiro        
                                                                Número de páginas: 496
                                                                Classificação: ★ ★ ★ 

SINOPSE: 

Perigo. Desolação. Escolhas. A eternidade é tempo demais para esperar pelo verdadeiro amor?
Em sua terceira busca, a jovem Kelsey Hayes e seus tigres precisam vencer desafios incríveis propostos por cinco dragões míticos. O elemento comum é a água, e o cenário de mar aberto obriga Kelsey a enfrentar seus piores temores. 
Dessa vez, sua missão é encontrar o Colar de Pérolas Negras de Durga e tentar libertar seu amado Ren tanto da maldição do tigre quanto de sua repentina amnésia. No entanto o irmão dele, Kishan, tem outros planos, e os dois competem por sua afeição, além de afastarem aqueles que planejam frustrar seus objetivos. 
Em A Viagem do Tigre, terceiro volume da série A maldição do tigre, Kelsey, Ren e Kishan retomam a jornada em direção ao seu verdadeiro destino numa história com muito suspense, criaturas encantadas, corações partidos e ação de primeira.


RESENHA:

A Viagem do Tigre é o terceiro livro da série A Maldição do Tigre, então, quem estiver lendo, saiba que pode receber uns spoilers sobre os dois primeiros volumes.Para ser sincera, não gostei muitos dos dois primeiros livros, por uma série de motivos. Mas, de alguma forma, a autora mesmo assim consegue me prender a esse mundo maluco que ela inventou, criando uma relação de amor e ódio. Então, esse semana peguei um exemplar de A Viagem do Tigre e resolvi ler.

O livro me chocou. Talvez pelo fato de ter mais emoções esclarecidas e iniciativas vindas de Kelsey, se tornou bem mais empolgante de ler. A cada página, era algo diferente e inimaginável para mim, e eu amei.

Devo admitir que mitologia e contos de fadas não são minha praia, esse é um dos motivos de eu achar que colocar dragões, polvos gigantes e sereias não é algo de muito agrado. Colleen Houck deve ter tido muito trabalho com suas pesquisas sobre locais e lendas, então dei um desconto.

Outro fato que não gostei é que Kelsey “brincou” muitos com os tigres emocionalmente. 

E para finalizar, acredito que a autora poderia ponderar em sempre colocar seus personagens comendo ou dormindo. Afinal, sabemos que eles fazem isso, então para que essa variedade de comidas e jeitos de dormir que ela tanto fala?Como disse antes, talvez meu relacionamento de amor e ódio por essa autora (e série de livros), mexa muito com o meu humor. 

                             


                    

2 comentários:

  1. Oii Jady, tudo bem?
    Ainda não li nada dessa série, mas é uma série que também não chama tanto a minha atenção :(
    Um beijo.
    Garota do Livro

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oii Katrine, tudo ótimo.
      Como disse antes, é uma série boa, tem uma história ótima, mas digamos que a única coisa que estraga é a Kelsey (personagem principal). Fora isso, é muito boa.
      (Adorei seu nome rsrsrs)
      Beijos e abraços.

      Excluir