Resenha: Boston Boys | Giulia Paim

Título: Boston Boys
Autor:  Giulia Paim
Editora: 5w                                    
  Número de páginas: 333
Classificação:  
Sinopse: Boston Boys conta a história de Ronnie Adams, uma garota responsável e pé no chão, que vive em Boston desde que nasceu. Sua vida vira de cabeça para baixo quando ela descobre que sua mãe, uma analista de sistemas, resolve mudar radicalmente de emprego: se torna produtora do programa de TV Boston Boys, uma série de sucesso que mostra a vida perfeita de três integrantes de uma boyband americana, que é o último programa que Ronnie gastará seu tempo para assistir. Para lhe trazer ainda mais dor de cabeça, Mason McDougal vocalista da banda e protagonista da série vai morar com ela e sua família por motivos que ela desconhece.

A convivência diária com um astro de TV egocêntrico e implicante é difícil para Ronnie e piora ainda mais quando ela tem que lidar com os outros dois atores do programa: Henry e Ryan. Além deles, surge um fã louca e perseguidora que parece rastreá-la a cada passo.



                                                                  Resenha
Alerta CLICHÊ ! Vamos combinar o tema é bem fanfiction. entretanto,eu até me surpreendi com o desenrolar da história e o desenvolvimento da personagem principal Ronnie, é uma boa trama pra se ler bem rapidinho e bem leve.


Uma coisa desse livro que surtiu efeito, foi risadas. É cheio de sátiras e joguinhos bem cômicos. O que é de fato um ótimo livro para o público infanto-juvenil. E pra você também que queira relembrar suas loucuras de adolescente.


Primeiramente nada de personagem não confiante por aqui, admirável a força de vontade da Ronnie e da Mary.
Ainda sinto que o personagem está um pouco crua, principalmente no quesito emocional/amoroso, mesmo tendo abordado o lado familiar e sensível.
Juro que shippei vários casais, igual uma menininha louca.


Sobre Mason, ainda não descobri como funciona esse cara, só que é um personagem com emocional bem abalado e que evita demostrar os sentimentos, e tem um ego, bem, MAIS BEM, enorme.


O melhor de tudo é as loucuras que o Mason desperta na Ronnie, ela faz coisas que uma menina certinha como ela não faria há tempos atrás.
Um personagem que reconhecemos na vida real é a Piper, ela é daquelas doidas stalkers de carteirinha, que segue o ídolo por ai. Mas até que achei ela normal.


O espaço se passa basicamente na casa de Ronnie e nos estúdios em Boston, e o livro todo tem muito mais a ver com a problemática de bandas e fãs em si. - me faz me lembrar que adoro ser comum e anônima - Do que um possível rolo entre o bad boy e a menina certinha.

O final fica claro que Ronnie esconde várias coisas pra si mesma e que a situação não é toda ruim assim, e que podemos esperar uma continuação, muito mais gostosa e divertida do que essa foi.



1 comentários:

  1. Ai adoooro esse livro *-*
    Você viu que serão 3 livros?

    www.maisumleitor.com

    ResponderExcluir