Mangá : InuYasha

Titulo : InuYasha 
Autor : Rumiko Takahashi
Gênero : Fantasia , ação 
Publicação : 1996-2008
Classificação:
Sinopse :
A história começa em Tóquio, no Japão, com uma garota de 15 anos chamada Kagome Higurashi. Ela vive com sua mãe, seu avô e seu irmão mais novo, Sota, nas terras do santuário Shinto. Quando ela vai procurar seu gato, Buyo, no poço perto de sua casa, um monstro aparece e a leva consigo. Assim, ela reaparece no período Sengoku do Japão. Aparentemente, um yokai tinha atacado uma aldeia perto do poço, com o objetivo de roubar a Joia de Quatro Almas e matar a sacerdotisa que a protegia. Por Kagome se parecer bastante com a mulher, acaba sendo atacada por um yōkai. Desesperada, ela acaba libertando o yokai InuYasha  que estava lacrado por uma flecha sagrada em uma árvore. Embora facilmente salve Kagome, ele se revela um problema maior. InuYasha foi selado na árvore há 50 anos pela sacerdotisa Kikyou, que era a guardiã da Joia de Quatro Almas. Ela pediu que, quando morresse, a joia fosse queimada junto a ela, para que ninguém mais pudesse abusar do seu poder. No entanto, Kagome é a reencarnação de Kikyou e traz consigo a Joia de Quatro Almas. Dessa forma, a joia acaba sendo quebrada em vários fragmentos, que se dispersaram por todo o Japão. Cada fragmento é capaz de garantir um grande poder e, por isso, acaba sendo procurado por seres humanos e yōkais. Então, InuYasha e Kagome se propõem a juntar os fragmentos da joia e evitar desastres.





                                              Resenha 


A história se desenvolve entre dois períodos : o mundo atual e o período feudal do Japão , Kagome uma menina de 16 anos acaba encontrando no poço da sua casa uma passagem para o período feudal , lá ela acaba conhecendo o Yokai , InuYasha e se junta a ele em uma aventura no mundo feudal para encontrar os fragmentos da jóia de quatro almas. 

Kagome é uma menina esperta e determinada que não rejeita desafios , ela é a encarnação da sacerdotisa Kikyou por isso ela possui a jóia de quatro almas.
 InuYasha é um yokai , os yokais fazem parte de uma classe de criaturas sobrenaturais do folclore japonês mas InuYasha também é meio humano já que ele é filho de um Yokai com uma humana, ele se mostra rispido e frio com Kagome no início mas depois ele deixa esse comportamento de lado . 
Mas o personagem que realmente me encanta é o irmão mais velho de InuYasha , Sesshomaru , um yokai completo que no começo da história era frio , calculista e não se importava com ninguém mas depois ele é mudado por uma garota chamada Rin. 
                                                          ( Sesshomaru) 


A  ilustração do mangá não é das mais profissionais mas também não é considerada amadora , já que a autora consegue se expressar muito bem através de seus desenhos , a suas ilustrações se parecem muito com as do mangaká Yu watase, embora as ilustrações de Yu sejam bem mais detalhadas e profissionais , o desenho e a caracterização dos personagens é bem parecida.
                                                        ( InuYasha e Kagome) 


 O mangá apresenta um universo totalmente diferenciado dos outros e, por isso InuYasha é considerado um mangá completo por que contém ação , aventura , romance , fantasia , comédia e história japonesa tudo muito bem dosado,um outro mangá foi baseado em InuYasha que é Kamisama Hajimemashita , que é bem parecido mas ocorrem divergências entre as histórias. 

A JBC , a editora brasileira que o publica fez uma enquete com alguns mangás para haver um relançamento , InuYasha foi o vencedor , o relançamento foi anunciado na Comic Con Experience e está previsto para o primeiro semestre de 2017.  a editora o lançou de 2002 a meados de 2009 , foi o maior mangá publicado no país.

InuYasha possui duas temporadas de anime , quatro filmes ,cinco OVA's ,video games e uma light novel. é um dos mais lidos no mundo.
É um bom mangá para quem gosta de todos os gêneros já que ele possui de tudo um pouco , a história é bem construída e agora que será relançado os volumes ficaram mais acessíveis aos leitores



0 comentários:

Deixe seu comentário