Crítica | Kong: A Ilha da Caveira

Título : Kong- A ilha da Caveira | Kong : Skull Island
Direção : Jordan Vogt - Roberts
Roteito : Derek Connolly , Max Boresntein
Elenco : Toby Kebbell , Brie Larson , Corey Hawkins , Tom Hiddleston , Samuel L. Jackson , John C. Reilly , Tom Wilkinson
Gênero : Aventura, Fantasia e Ação
Classificação : 
Sinopse : ‘Kong: A Ilha da Caveira‘ recria a origem do mítico Kong numa aventura original emocionante dirigida por Jordan Vogt-Roberts. No filme, um eclético time de exploradores se aventura nas profundezas de uma desconhecida ilha do Pacífico, a Ilha da Caveira – tão bela quanto traiçoeira – sem saber que estão invadindo os domínios dos reis dos símios, o mítico Kong.


                                          Resenha

Você gosta de um bom filme de aventura? Se sim, vai se surpreender com esse filme, que opta por fazer o novo, ao invés de reviver o velho. Kong - A Ilha da Caveira tem um enredo bem simples: Durante a guerra fria, em que Estados Unidos e a União Soviética brigam para serem os primeiros em tudo, os satélites americanos encontram uma ilha nunca antes vista e decidem explora-la, antes que os inimigos decidam fazer o mesmo. A partir de então, é uma questão de recrutamento de equipe, planos de entrada e saída da ilha, do que fazer, de como será explorar a ilha e revela-la ao mundo. Digamos que nada sai como o esperado.

O filme de Jordan Vogt-Roberts nos mostra o quanto a curiosidade – sem a intenção de preservação – pode ser devastadora. Com o tempo são revelados as motivações de alguns, mas ainda assim é perceptível o desconforto que gera em quem assiste a forma como parte daquele grupo pensa ao se deparar com o novo, principalmente depois de encontrar Kong.

Com um roteiro muito bem amarado, a escolha do elenco também é bem-feita. Jordan Vogt-Roberts optou por ter um filme desnivelado em relação a tensão e humor e, por ser bem intencional, ele consegue não errar o tom. Um destaque do filme é o CGI, os animais são assustadoramente grandiosos, Kong é tão monstruosamente grande que as reações no filme são espelhadas na plateia.

Kong: A ilha da caveira é um ótimo filme. Tem boas surpresas (e alguns sustos), é original trazendo poucos elementos dos seus antecessores e agrada em todos os sentidos. Vale ressaltar que a ideia é fazer uma relação com Godzilla (sim, o filme de 2014), então aqui vai uma dica: TEM CENA EXTRA. 

Dito isso, aproveite e bom filme pra você!

0 comentários:

Deixe seu comentário